UNECS vai criar uma cartilha sobre a Modernização Trabalhista para conscientizar o setor de comércio e serviços

A cartilha vai mostrar como vão ficar os direitos do trabalhador.


03/10/2017 13h13

A União Nacional de Entidades de Comércio e Serviços – UNECS criará uma cartilha destacando os principais pontos da modernização trabalhista para mostrar ao setor de comércio e serviços como vai funcionar na prática as mudanças na legislação. A nova lei, que começa a vigorar no dia 11 de novembro de 2017, foi uma das grandes vitórias do empresariado neste ano.

Uma conquista que teve como grande incentivador e defensor da proposta de mudança, o deputado federal Rogério Marinho, presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Comércio, Serviço e Empreendedorismo – CSE e relator da reforma.

“Temos de valorizar essa conquista e, principalmente, conscientizar os associados das nossas entidades sobre a importância dessa modernização nas leis trabalhistas”, afirmou Honório Pinheiro, presidente da CNDL – Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas e coordenador da UNECS, que conduziu nesta quarta-feira (27) a reunião dos membros da entidade, em São Paulo, na sede da ABAD.

Os presidentes da UNECS também resolveram reforçar o contato político para continuar dando encaminhamento às demandas parlamentares do setor de comércio e serviços no Congresso. “Será uma oportunidade de alinhamento com o legislativo para agilizar as demandas parlamentares”, explica Emerson Destro, presidente da ABAD.

Com o apoio da Fundação Dom Cabral, os presidentes também deram andamento ao planejamento estratégico para 2017 e 2018, definindo as entidades que vão coordenar cada um dos seis pontos estratégicos que vão estruturar a UNECS.

“Atingimos um protagonismo importante perante sociedade e isso nos impõe a missão de avançar para que essa união tenha ainda mais força e representatividade”, concluiu Honório Pinheiro.

Estiveram presentes, além de Honório Pinheiro e Emerson Destro, os presidentes Claudio Conz (Anamaco), George Pinheiro (CACB), Nabil Sahyoun (Alshop), Paulo Solmucci Jr (Abrasel) e João Sanzovo Neto (Abras). Os executivos das entidades também acompanharam o encontro.

Fonte: CNDL


Avança Varejo