CDL entrega alimentos para 13 entidades filantrópicas com dinheiro da bilheteria da 24ª FEPE

O dinheiro se refere ao apurado na bilheteria e no estacionamento da Fundação Rural de Campos no curso do evento, que esse ano superou todas as expectativas.


14/10/2013 00h00

Previous Next
O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Campos (CDL) e da Fundação CDL, Roberto Escudine, acompanhado de membros de sua diretoria entregou ontem os gêneros alimentícios não perecíveis que foram comprados com os recursos obtidos na 24ª Feira de Preços Especiais (FEPE), realizada em agosto passado. O dinheiro se refere ao apurado na bilheteria e no estacionamento da Fundação Rural de Campos no curso do evento, que esse ano superou todas as expectativas.
 
Representando o poder público municipal estavam a secretária de Trabalho e Renda, Joilsa Rangel e o secretário de Desenvolvimento e Turismo, Wainer Teixeira. A entrega foi feita na manhã desta segunda-feira, 14 de outubro, no estacionamento da Câmara de Dirigentes Lojistas, onde antes foi servido um Café da Manhã para os representantes das entidades.
 
- É mais um víeis do compromisso social que essa Casa, a CDL tem com a sociedade campista. Foi assim em FEPE`s anteriores  e agora o presidente Roberto Escudine retoma a ajuda visando minorar os muitos problemas que nossas entidades assistenciais  enfrentam. Um exemplo que toda a sociedade campista deveria seguir- disse o professor Wainer Teixeira.
 
A secretária de Trabalho e Renda do município, Joilsa Rangel, também destacou a importância do gesto de solidariedade da Câmara de Dirigentes Lojistas de Campos(CDL).
 
- Conheço bem esse trabalho é que mostra a grande generosidade do comércio de Campos e seu compromisso com as causas sociais. Na verdade o município reconhece e por isso dois secretários estão aqui presentes- disse a Secretária de Trabalho e Renda.
 
O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Campos (CDL), Roberto Escudine, disse que esse ano foram contempladas 13 entidades filantrópicas de Campos, seguindo um critério de rodízio.
 
- Gostaríamos de contemplar todas as entidades, mas sabemos que isso é impossível. Então o critério utilizado é o do rodízio e também em casos excepcionais como o do Asilo do Carmo que notoriamente passa por um momento de grande dificuldade com 82 internos, sendo que 80% deles têm algum tipo de doença crônica, o que aumenta o custo da instituição- disse Escudine.

Certificado Digital CDL



1

Dúvidas? Chame no WhatsApp